sexta-feira, 3 de abril de 2009

Cara ou conteúdo?

Como é que você se comunica com seu público-alvo?
Você o conhece?
Frequentemente, procuramos pelos números e assim, passamos a orientar nossa "mensagem comercial", procurando atingir esse público.
O problema começa aí, pois geralmente conseguimos atingir esse público.
Só que "esse público" sai, realmente, ferido: nós o atingimos mesmo.
Quando pensamos no processo comunicacional via digital, esquecemos que ACIMA DE TUDO estamos lidando com AUDIÊNCIA.
Se partirmos de segmentação do público-alvo para direcionar a mensagem, um passo fundamental é entender que dentro dos perfis identificados existem PESSOAS.
Quando nos preocupamos, essencialmente, anunciar descontos, preços, vantagens, informações técnicas... esquecemos de ter preocupação em saber se as pessoas que estão acessando o site, estão interessadas nessas informações. Não que elas não sejam importantes.
A questão é a prioridade dada a tais informações, que tomam espaço em sua página e provocam, na audiência, o impulso pelos cliques: cliques de mudança de site.
Por quê?
Deixemos de tratar aqueles que visitam os sites como consumidores simplesmente, e passemos a tratá-los como são: pessoas.
Elas querem relacionamento, e odeiam ser percebidas unicamente como compradoras. Devemos tratar os visitantes como pessoas que querem satisfazer suas necessidades, desejos por meio de sua ajuda.
Tudo o que as pessoas realmente compram é "experiência". Seu site explica, permite à audiência a percepção de experiência entregue por seu produto?
Você dá espaço para que sua audiência se manifeste? Não? Então como você a conhece? Somente pelos números?
E sabe do que mais? Isso pode fazer toda a diferença: um pequeno passo para sua credibilidade, um enorme salto para o seu sucesso na Web.
Comentário elaborado baseado no artigo de J. Bader.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente as mensagens postadas. As idéias são aperfeiçoadas quando mais pessoas contribuem.

Loading...